NY Bridal Week: O desfile da Reem Acra

Por

Noivas, mais um desfile direto das passarelas da NY Bridal Week: as noivas deusas da Reem Acra. Amei muito os vestidos, o trabalho de aplicação nas redes, os cortes e modelagens.

Está demais – com certeza vai agradar as noivas mais tradicionais, mas também enxerguei muitos modelos para casamento na praia e campo.

Vem ver:

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-001

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-002

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-003

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-004

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-005

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-006

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-007

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-008

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-009

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-010

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-011

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-012

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-013

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-014

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-015

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-016

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-017

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-018

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-019

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-020

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-021

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-022

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-023

reem-acra-wedding-dresses-fall-2018-024

Veja também

Lua de mel: os bangalôs mais incríveis ao redor do mundo

Por

Amores, sexta-feira combina com viagem (assunto que eu amo falar com vocês por aqui!).

Para o post de hoje, fiz uma seleção dos bangalôs mais maravilhosos espalhados por diferentes lugares do mundo: Maldivas, México, Fiji… Para quem está procurando a lua de mel dos sonhos ou o destino da próxima viagem, vale a pena!

 

Cheval Blanc Randheli, Maldivas


É o hotel da rede LVMH – detentora de marcas de luxo como Louis Vuitton e Moët Chandon. É líder de luxo da região, com 46 vilas privativas, restaurante com três estrelas Michelin do chef Yannick Alléno e spa da Guerlain. 

 

COMO Cocoa Island, Maldivas


Os bangalôs são feitos a partir de embarcações de pescadores locais – apesar de ser fixado no chão, dá a impressão de que você está flutuando na imensidão de mar azul das Maldivas.

 

Constance Prince Maurice, Maurício


Com teto de palha e decoração influenciada pelo feng shui, esse hotel é o paraíso para casais em lua de mel. Oferece serviços como cruzeiros ao pôr do sol, degustação de vinhos e massagem.

 

Four Seasons Resort, Bora-Bora


Com ar azul turquesa e vista para montanhas suntuosas, esse hotel fica em uma das regiões mais idílicas do planeta. Não é por acaso que foi eleito o melhor resort do Pacífico Sul pela Brides Honeymoon Awards.

 

Hotel Palafitte, Suíça


É o único hotel da Europa construído em palafitas e fica localizado no meio de um lago cintilante. Conhecido por servir iguarias locais, como sashimi de truta de lago e, claro, absinto.

 

Laucala Island Resort, Fiji


Águas cristalinas e montanhas vulcânicas fazem da região o ambiente romântico perfeito para os recém-casados. São no máximo 80 visitantes por vez, e cerca de 350 funcionários, o que faz dele o hotel mais bem servido do mundo. Há também spa, campo de golfe e restaurantes comandados por chefs renomados

 

Rosewood Mayakoba Riviera Maya, México


Cercado por uma floresta esmeralda e praias de brancas e puras, o Rosewood Mayakoba é um resort na Riviera Maya localizado ao norte da magnífica Playa del Carmen.

 

Sandals South Coast, Jamaica


Esse bangalô de estilo taitiano conta com um serviço de primeira linha, como mordomo 24 horas, banheira ao ar livre e acesso privativo. Por dentro, é todo tecnológico e com chão de vidro transparente, um sonho!

 

The St. Regis Maldives Vommuli Resort, Maldivas


Em uma região serena e refinada, é perfeito para relaxar em clima de romance. Com vista 360 graus para o Oceano Índico, tem piscina privativa e tratamento de spa.

Veja também

Destination Wedding: respondendo dúvidas de quem vai casar no exterior

Por

destination-wedding-lisbon-1493334806destination wedding portugal

Oi meninas, tudo bem?

A tendência do Destination Wedding, ou o casamento no exterior, vem conquistando cada vez mais as noivas brasileiras. Apesar de ser um sucesso, casar em outro país ainda é uma prática relativamente nova para os casais do Brasil.

Recebo muitas dúvidas de gente que ama a ideia de viajar com os convidados e fazer mais de um dia de festa, mas tem quem não saiba por onde começar, quem deve pagar o que e até mesmo qual o melhor país para isso.

Resolvi reunir nesse post algumas das principais perguntas que recebo – vai precisar de mais de um post para esclarecer tudo, é claro! Quem tiver dúvidas também pode deixar nos comentários que eu respondo por lá ou incluo no próximo post, ok? Vamos lá:

Quanto tempo antes o casal deve começar com os preparativos?
O primeiro passo é contratar um organizador de casamento no local em que você deseja casar e começar a conhecer os fornecedores da região. O tempo de antecedência deve ser igual a média dos casamentos realizados no Brasil, 12 meses.

Quem paga a despesa dos convidados?
Não existe uma regra. Neste caso, o que vale é o bom senso. Geralmente são os próprios convidados que arcam com os custos de passagem e hospedagem, e os noivos pagam a festa. Porém, os noivos precisam ter consciência que um padrinho ou madrinha pode recusar o convite devido aos gastos.

Os noivos decidiram casar em um resort ou hotel. Isso significa que os convidados vão precisar se hospedar lá?
Não, os noivos não devem fazer essa exigência. Ficará hospedado quem puder. O ideal é que o casal faça visitas a hotéis e pousadas próximo ao local escolhido para o evento e negociem pacotes de hospedagem para os seus convidados, além de oferecer transporte de outros hotéis até o local da festa.

Quando o save the Date deve ser enviado?
É importante enviar o Save the Date no mínimo com seis meses de antecedência. Lembre-se que os convidados precisam se programar para fazer uma viagem, pedir folga ou até mesmo tirar férias. Quanto mais informações e orientações passarem, melhor e mais prático será para todos.

Qual é a melhor maneira de levar o vestido de noiva na mala de viagem?
Leve  o vestido dobradinho em uma caixa, que pode também ser colocada dentro de uma mala de mão – é sempre bom tê-lo por perto. Tome cuidado com as estruturas e use papel de seda entre as dobras.

Veja também

1 2 3 4 5 40